Geral

MPF recomenda que Unir reabra inscrição para vestibular devido a erro no sistema de cotas

O Ministério Público Federal (MPF) recomendou à Universidade Federal de Rondônia (Unir) que reabra as inscrições no processo seletivo 2015 – o vestibular – e não publique nenhum resultado do concurso até que sejam resolvidos problemas no sistema de cotas.

Na recomendação, o procurador da República Raphael Bevilaqua argumenta que a legislação do sistema de cotas prevê que 25% das vagas dos cursos universitários seja reservado a estudantes que tenham cursado o ensino médio integralmente em escolas públicas e que tenham renda familiar igual ou inferior a 1,5 salário-mínimo.

Outros 25% do total de vagas deve ser destinado a alunos que tenham feito todo o ensino médio em escolas públicas, independente da renda familiar. Este último grupo de candidatos não teve como preencher o formulário eletrônico utilizado para inscrição no vestibular da Unir, pois só havia opção para estudantes que se declarassem de baixa renda.

A Universidade também terá que corrigir a distribuição de vagas reservadas a pardos, pretos e indígenas. A Unir tem 48 horas para informar ao MPF se acatará ou não a recomendação e assim dar ampla divulgação a realização das providências adotadas em todos os meios de comunicação.

Fonte: MPF/RO (www.prro.mpf.mp.br)

Comentar

Print Friendly, PDF & Email
Tags

COMPARTILHE

BAIXE NOSSO APLICATIVO

RESENHA POLITICA

TEIA DIGITAL

DIRETO DE ROLIM

TEMPO REAL

PUBLICIDADE

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
pt_BRPortuguese