Noticias

SEGURANÇA PÚBLICA VAI ENFRENTAR VIOLÊNCIA EM CUJUBIM E ALTO PARAÍSO

Alarmados com o alto índice de violência na região, autoridades, políticos e povo em geral dos municípios de Cujubim e Alto Paraíso receberão a partir da próxima semana uma ação efetiva dos órgãos de Segurança Pública que passarão a atuar a cada 15 dias com grande efetivo nas sedes desses municípios para enfrentar a criminalidade.

 

De acordo com a programação da Secretaria de Segurança Pública e Defesa da Cidadania (SESDEC), o efetivo estará nesses municípios a cada 15 dias, sempre as quintas-feiras, sextas-feiras e sábado até meio dia, inclusive com agentes da Identificação para prestação de outros serviços, como emissão de documentos de identidade e outros, segundo garantiu o delegado Pedro Mancebo, diretor do Instituto de Identificação Criminalística.

 

O deputado Adelino Follador (DEM), o principal articulador junto ao governo para dar solução a este problema, disse ontem que a medida não é suficiente, mas é o início de um grande projeto da Segurança Pública, que visa diminuir os índices de criminalidade na região, enquanto o Governo realiza novo concurso público para contratação de agentes, para garantir um efetivo mínimo razoável em cada município.

 

Essas medidas foram confirmadas ontem em reunião com o secretário de Estado da Segurança Pública, Carlos Reis, em seu Gabinete, em que o deputado Adelino Follador acompanhou o prefeito Fábio Patrício e um grupo de vereadores do Município de Cujubim, liderados por Gilvan Barata, presidente da Câmara (Hélio da Sucan, Djalma e Loremar), tendo recebido todo apoio do titular da SESDEC.

 

Bombeiros para Cujubim

 

Follador também acompanhou o prefeito Fábio Patrício e representantes da Associação Comercial de Cujubim e da Igreja Assembleia de Deus, com o coronel Caetano de Souza, comandante do Corpo de Bombeiros Militar, a quem pediram apoio para vistoria e regularização de funcionamento de várias empresas e estabelecimentos comerciais da cidade.

 

De acordo com o deputado, o Município de Cujubim depende do efetivo do Corpo de Bombeiros do Município de Ariquemes, que, com pouco efetivo não consegue atender toda a demanda, tendo em vista que se responsabiliza também por outros municípios da região da Grande Ariquemes, com mais de 300 mil habitantes.

 

O comando-geral, em Porto Velho, por seu turno, teve que se desdobrar nos últimos meses para atender a grave situação vivida pelo Município de Porto Velho, em decorrência da enchente do Rio Madeira que alagou e gerou muitos riscos à comunidade da Capital, “e só agora vai poder apoiar melhor os outros municípios, o que é perfeitamente compreensível”, afirmou Follador.

 

Fonte: Assessoria

Comentar

Print Friendly, PDF & Email
Tags

COMPARTILHE

BAIXE NOSSO APLICATIVO

RESENHA POLITICA

TEIA DIGITAL

DIRETO DE ROLIM

TEMPO REAL

PUBLICIDADE

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
pt_BRPortuguese