Politica

Câmara libera prefeitos a estourar gastos com pessoal

Anúncios
A proposta que flexibiliza a Lei de Responsabilidade Fiscal segue para a sanção de Michel Temer. Só PSDB e PSL foram contra.
A proposta livra de punições os municípios que estourarem o limite de gastos com pessoal se tiverem queda de receitas. Como o texto saiu do Senado e não foi alterado pelos deputados, segue para a sanção do presidente Michel Temer. Na votação, 16 partidos orientaram a favor da proposta. Apenas dois orientaram contra – PSL e PSDB.
FONTE; CBN

Comentar

Print Friendly, PDF & Email
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com