Interior

Nova usina de biodiesel inaugurada em Cacoal vai tornar o Estado autossuficiente na produção do biocombustível

Unidade em Rondônia vai potencializar as cadeias produtivas locais, além de empregos 

Semana passada, o Governo de Rondônia, por meio da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico – Sedec, participou da inauguração de uma usina de biodiesel, localizada no município de Cacoal e tornará o Estado autossuficiente na produção do biocombustível. Ao todo, já foram realizados mais de R$ 110 milhões em investimentos no Estado. 

Entre as principais matérias-primas a serem utilizadas estão o sebo bovino e o óleo de soja. Também existe a possibilidade de utilização de outros tipos de óleos vegetais e gorduras animais. O biocombustível renovável emitirá até 94% menos gases de efeito estufa, em relação ao diesel fóssil consumido em toda a frota nacional.

A projeção é que Rondônia produza 216 milhões de litros de biodiesel por ano, tornando o Estado não só autossuficiente na produção do biocombustível, mas também um potencial fornecedor para outros Estados. Atualmente, 93% do biodiesel consumido em Rondônia vem de fora. Com a produção interna também serão gerados emprego, renda e maior recolhimento de ICMS para os cofres públicos.

De acordo com o secretário da Sedec, Avenilson Trindade, Rondônia apresenta um ótimo ambiente de negócio para a instalação de empresas e indústrias. “A agilidade e o profissionalismo da estrutura do Estado foram fundamentais para que todas as etapas legais pudessem ser devidamente cumpridas, resultando na implementação da unidade industrial, que está prestes a operar”, ressaltou o secretário.

Ainda de acordo com o Avenilson, a usina de biodiesel de Cacoal fará com que diversas matérias-primas produzidas em Rondônia sejam utilizadas dentro do Estado. Até então, os produtos eram comercializados “in natura” em outros Estados. Para isso tem que percorrer milhares de quilômetros nas rodovias nacionais. Na contramão, o biodiesel era adquirido de outros Estados, compondo um custo logístico relevante até a destinação ao consumidor final. A unidade em Rondônia deverá gerar cerca de 100 empregos verdes diretos, potencializando as cadeias produtivas locais, além dos empregos indiretos. 

MERCADO NACIONAL

O Brasil consome mais de 60 bilhões de litros de óleo diesel por ano, dos quais mais de 25% originados de importações. Por sua vez, o consumo nacional de biodiesel totaliza mais de 6 bilhões de litros por ano, tendo em vista a mistura compulsória de 10% de B10. Já o Estado de Rondônia consome cerca de 93 milhões de litros de biodiesel por ano, produzindo apenas 4% de sua demanda interna. A resolução do Conselho Nacional de Política Energética – CNPE prevê o crescimento da mistura de biodiesel em até 15%, a ser atingido em 2023.

INVESTIMENTO

De acordo com o assessor de novos negócios da Invest Rondônia, Fábio Serra, esse é mais um resultado dos trabalhos da coordenadoria de promoção de atração de investimento que apoia a exportação. “A Invest Rondônia tem três importantes frentes de trabalho, que é a prospecção, acompanhamento de projetos e relações institucionais e internacionais. Hoje contamos com mais de 30 empresas em acompanhamento, que somam mais de 12 mil novos empregos e mais de R$ 5 bilhões de futuros investimentos para o Estado”, finalizou o assessor. 

FONTE: SECOM/RO

Comentar

Print Friendly, PDF & Email

COMPARTILHE

BAIXE NOSSO APLICATIVO

RESENHA POLITICA

TEIA DIGITAL

DIRETO DE ROLIM

TEMPO REAL

PUBLICIDADE

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
pt_BRPortuguese