Esporte

Flamengo tenta superar o lanterna e os desfalques contra a Chapeconense

Flamengo vai a campo nesta segunda-feira contra a Chapecoense, pelo Campeonato Brasileiro, repleto de desfalques. Ontem, o clube divulgou a lista de relacionados para a partida sem as presenças de David Luiz, Diego Alves e Thiago Maia. Isla e Andreas Pereira também não viajaram para Santa Catarina com o grupo.

De acordo com o Flamengo, o goleiro Diego Alves “apresentou desgaste físico acentuado”. Ele permaneceu no Rio de Janeiro para realizar exercícios específicos no centro de treinamento. Já o volante Thiago Maia, ainda segundo o clube, sofreu uma pancada no quadril e no pé esquerdo no jogo contra o Atlético Goianiense e não conseguiu se recuperar das dores a tempo de viajar com o elenco.

Sobre David Luiz, o Flamengo alegou que a ausência “faz parte do planejamento de retorno gradual do zagueiro após a lesão muscular”. O atleta machucou o adutor da coxa esquerda no final de setembro em uma partida contra o Barcelona do Equador, pelo segundo jogo da semifinal da Libertadores.

Para este confronto, o Flamengo ainda terá as ausências de Isla — que se apresentou à seleção chilena para jogos das Eliminatórias para a Copa do Mundo e só retorna no dia 17 —e de Andreas Pereira, que está suspenso após receber o terceiro cartão amarelo. Além disso, seguem no departamento médico Arrascaeta, Filipe Luís, Diego Ribas e Pedro.

Elogios ao amuleto

Michael, que foi autor dos dois gols da vitória rubro-negra sobre o Atlético-GO, na última sexta-feira, foi elogiado por Renato Gaúcho. O atacante foi usado em todos os jogos do Flamengo sob seu comando.

— Ele tem feito gols importantes, é um jogador de quem o grupo gosta muito, que está todo dia alegre, brincando. Na hora de trabalhar, trabalha seriamente. Converso bastante com ele, procuro orientá-lo da melhor forma possível. Está fazendo a diferença para a gente — contou Renato após o triunfo no Maracanã.

Apesar de a Chapecoense já estar matematicamente rebaixada para a Série B e de ter vencido apenas uma partida em todo o Campeonato Brasileiro, o Flamengo, se ainda quiser sonhar em conquistar o título — mesmo com a possibilidade sendo remota —, não pode dar brechas para falhas. Renato mantém o discurso de que continuará atrás de taças nas duas frentes em aberto:

— Enquanto houver chance, eu vou brigar pelo Campeonato Brasileiro. Nós não desistimos. A partida do dia 27 (final da Libertadores) é importante, mas nós temos esses jogos pelo Brasileiro, que servem para que a gente possa recuperar o ritmo de jogo pra alguns jogadores — argumentou o técnico.

FONTE:  EXTRA

Comentar

Print Friendly, PDF & Email

About the author

Gomes

Add Comment

Click here to post a comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

COMPARTILHE

BAIXE NOSSO APLICATIVO

RESENHA POLITICA

TEIA DIGITAL

DIRETO DE ROLIM

TEMPO REAL

PUBLICIDADE

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .

PARCEIROS

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
pt_BRPortuguese