Esporte

Com um a menos, Brasil leva sufoco, mas bate Chile e vai à semi da Copa América

Expulsão de Gabriel Jesus complica time, que vence graças a gol de Lucas Paquetá. Próximo rival é o Peru, que eliminou o Paraguai

Foi no sufoco, com emoção até os minutos finais, mas o Brasil está na semifinal da Copa América! Graças a gol de Lucas Paquetá no início do segundo tempo, a seleção se segurou durante um longo período com um jogador a menos e venceu o Chile por 1 a 0, na noite desta sexta-feira (2), no Nilton Santos.

Agora, os comandados de Tite se preparam para a semifinal, onde reencontrarão o Peru, que eliminou o Paraguai. O rival foi o adversário brasileiro na última final, dois anos atrás. O jogo está marcado para a próxima segunda-feira (5).

Chile surpreende no início
Acostumado a ter o domínio das ações desde o início, o Brasil foi surpreendido pelo Chile, que pressionou a saída de bola no campo de ataque e ofereceu momentos de perigo no primeiro tempo, principalmente com Vargas.

Brasil perde chances
Aos poucos, porém, os chilenos foram cansando e Neymar, com mais espaço, passou a criar oportunidades. Primeiro, ele fez jogada individual e cruzou para Roberto Firmino, que não pegou bem. Já nos minutos finais, o camisa 10 encontrou Gabriel Jesus, que ganhou da marcação e bateu forte. Bravo fez a defesa.

Paquetá brilha no primeiro lance
Para a segunda etapa, Tite optou pela entrada de Lucas Paquetá no lugar de Firmino. E logo no primeiro minuto, o ex-jogador do Flamengo já deixou a sua marca. Após tabela com Neymar, ele tirou o zagueiro e chutou com força, fazendo 1 a 0.

Que isso, Jesus?
Quando parecia que a situação do Brasil ficaria mais tranquila, Gabriel Jesus recebeu o cartão vermelho. O atacante levantou demais a perna em uma dividida e atingiu o rosto de Mena, sendo expulso do duelo.

Não valeu
Com um a mais, o Chile se animou e só não empatou aos 21, com Vargas, graças ao VAR, que, após uma longa análise, flagrou impedimento no início da jogada.

Pressão
Pouco tempo mais tarde, o travessão salvou o Brasil, em cabeçada de Brereton. Aos 32, Meneses aproveitou a sobra na entrada da área e bateu com força para o gol. Ederson faz a defesa e joga para escanteio.

A única válvula de escape brasileira era Neymar. Primeiro, ele fez jogada individual e só não fez um golaço graças ao goleiro Bravo. Em outro lance, ele foi derrubado na entrada da área. E o craque seguiu assim, cavando faltas e ganhando tempo até o apito final.

BRASIL 1 x 0 CHILE

Competição: Copa América, quartas de final
Local: estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro-RJ
Data/hora: 2 de julho de 2021 (sexta-feira)
Árbitro: Patrício Loustau (Argentina)
Assistentes: Ezequiel Brailovsky e Gabriel Chade (ambos da Argentina)
VAR: Andrés Cunha (Uruguai)
Cartões amarelos: Ederson (Brasil), Sierralta, Palacios, Arturo Vidal (Chile)
Cartão vermelho: Gabriel Jesus (Brasil)
GOL: Lucas Paquetá, a 1/2ºT (1-0)
Brasil: Ederson; Danilo, Marquinhos, Thiago Silva e Renan Lodi (Éder Militão, aos 45/2ºT); Fred e Casemiro; Gabriel Jesus, Neymar, Roberto Firmino (Lucas Paquetá, no intervalo) e Richarlison (Éverton Cebolinha, aos 45/2ºT). Técnico: Tite
Chile: Bravo; Isla, Gary Medel, Sebastián Vegas (Palacios, aos 18/2ºT), Sierralta e Mena; Erick Pulgar (Meneses, aos 30/2ºT), Aránguiz (Valencia, aos 43/2ºT) e Arturo Vidal; Eduardo Vargas e Alexis Sánchez (Ben Brereton, no intervalo). Técnico: Martin Lasarte

FONTE: R7.COM

Comentar

Print Friendly, PDF & Email

About the author

Marcio Martins martins

Add Comment

Click here to post a comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

COMPARTILHE

BAIXE NOSSO APLICATIVO

RESENHA POLITICA

TEIA DIGITAL

DIRETO DE ROLIM

TEMPO REAL

PUBLICIDADE

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
pt_BRPortuguese