Geral

Júnior Gonçalves diz que tentou comprar vacina para Rondônia, mas não conseguiu, Hildon Chaves comprou 400 mil para Porto Velho

Nas mãos da habilidade de gestão de Júnior Gonçalves está o direito de vacinação de milhares de rondonienses, que seguem aguardando a vacina chegar.

Uma reportagem publicada pelo portal G1 no estado de Rondônia trouxe à tona informações ocorridas em uma reunião onde o Chefe da Casa Civil do estado de Rondônia, Júnior Gonçalves, confirmou sua incapacidade de comprar doses de vacinas contra o COVID-19 diretamente para o Estado, ao contrário do que fez o prefeito da capital, Hildon Chaves, que anunciou recentemente a compra de 400 mil doses para a cidade.

Júnior Gonçalves teria afirmado nesta reunião que o Governo chegou a encaminhar uma carta de intenção de compra de dois milhões de doses da vacina AstraZeneca, mas, não obteve sucesso por conta de que a maior parte da demanda do laboratório que produz está fechada com o Governo Federal.

 

Uma reportagem publicada pelo portal G1 no estado de Rondônia trouxe à tona informações ocorridas em uma reunião onde o Chefe da Casa Civil do estado de Rondônia, Júnior Gonçalves, confirmou sua incapacidade de comprar doses de vacinas contra o COVID-19 diretamente para o Estado, ao contrário do que fez o prefeito da capital, Hildon Chaves, que anunciou recentemente a compra de 400 mil doses para a cidade.

Júnior Gonçalves teria afirmado nesta reunião que o Governo chegou a encaminhar uma carta de intenção de compra de dois milhões de doses da vacina AstraZeneca, mas, não obteve sucesso por conta de que a maior parte da demanda do laboratório que produz está fechada com o Governo Federal.

“Os Estados Unidos e Índia nos dão a mesma resposta. No momento, não tem como eles fornecerem a nenhum município do Planeta Terra. Rogamos a Deus que venham as vacinas”, disse Júnior Gonçalves na reunião que ocorreu de forma virtual entre prefeitos rondonienses e o governador Marcos Rocha.

Rondônia segue como um dos estados brasileiros que menos vacinaram sua população e seu governador preferiu ficar de fora do Consórcio de Governadores brasileiros que buscam comprar doses da vacina Sputnik, que vem sendo produzida no laboratório União Química, no Brasil.

Nas mãos da habilidade de gestão de Júnior Gonçalves está o direito de vacinação de milhares de rondonienses, que seguem aguardando a vacina chegar.

FONTE: JH NOTICIAS

Comentar

Print Friendly, PDF & Email

COMPARTILHE

BAIXE NOSSO APLICATIVO

RESENHA POLITICA

TEIA DIGITAL

DIRETO DE ROLIM

TEMPO REAL

PUBLICIDADE

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .

PARCEIROS

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
pt_BRPortuguese