Interior

COLORADO DO OESTE: Projeto ambiental mantém araras na área urbana do município e aves viram atração turística

“Os coloradenses e turistas já estão visitando um dos locais onde foram instalados os ninhos”

O prefeito José Ribamar Oliveira (PSB), de Colorado do Oeste, município a 90 km de Vilhena, compartilhou recentemente, em suas redes sociais, um vídeo que mostra um casal de araras em um ninho artificial instalado em uma palmeira que fica, segundo o mandatário, em frente a Prefeitura.

A instalação dos ninhos artificiais, cerca de dez espalhados pela cidade, foi uma iniciativa da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, que instalou dez deles em pontos diversos. O projeto, que recebeu algumas críticas, tem por objetivo a permanência das aves na área urbana do município.

A reportagem entrou em contato com o prefeito José Ribamar, que incumbiu o responsável pelo projeto, Johnnes Lazzaro, de conversar com o FOLHA DO SUL ON LINE. Lazzaro reforçou que o objetivo principal dos ninhos é o de manter as aves no local. “As críticas são normais, haja vista que é um projeto novo, sendo Colorado o primeiro município do Estado de Rondônia a desenvolvê-lo”, ponderou.

A beleza das aves, como visto no vídeo, chama a atenção de quem passa pelo local e acaba virando atração. “Os coloradenses e turistas já estão visitando um dos locais onde foram instalados os ninhos, que fica em frente a Prefeitura”, disse Lazzaro, revelando que também foram instalados em outros locais, como na avenida Marechal Rondon, que corta o centro da cidade.

No início do projeto, no primeiro semestre desse ano, Lazzaro fez uma postagem na sua página pessoal em uma rede social, onde explicava que um determinado tipo de palmeira ornamental, não nativa da região, acaba morrendo e as araras fazem ninho em seus troncos. Mas esses troncos apodrecem e as aves acabam buscando outros locais. Os ninhos artificiais buscam evitar que as aves se mudem para outras regiões.

Em Vilhena, durante alguns anos, um casal de araras fez seu ninho no tronco de uma palmeira da espécie citada por Lazzaro. Moradoras de umas das principais avenidas da cidade, a Major Amarante, as araras logo se tornaram o casal mais famoso de Vilhena. Este ano, infelizmente, terão que procurar outra casa. A prefeitura se Vilhena derrubou o tronco onde o casal costumeiramente se alojava.

FONTE/AUTOR: Folha do Sul/ Rogério Perucci

Comentar

Print Friendly, PDF & Email
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com