Teia Digital

Abertura do Conecta Sebrae Agrolab terá presença do vice-presidente da República Hamilton Mourão

E, hoje, mais do que nunca é preciso. “A verdadeira filosofia é reaprender a ver o mundo” (Merleau-Ponty). 

ABERTURA DO CONECTA TERÁ PRESENÇA DO VICE-PRESIDENTE DA REPÚBLICA

Começa nesta quinta-feira (9), às 18h30, a abertura da 2ª edição do maior evento agro virtual da Amazônia Legal, o Conecta Sebrae-Agrolab Amazônia, que será 100% on-line nos dias 14 a 16 de setembro. A  abertura terá a participação do vice-presidente e presidente do Conselho da Amazônia Legal, General Hamilton Mourão, em conjunto com a presença do consultor em educação executiva Oscar Motomura, CEO da Amana Key e do presidente do Sebrae Nacional Carlos Melles. Eles debaterão as oportunidades para o setor produtivo na Amazônia Legal, tendo como referências as oportunidades e desafios inerentes da região. Os três serão mediados pelo diretor técnico do Sebrae em Rondônia, Samuel Almeida.

UNIR ABRIU VAGAS PARA MESTRADO E DOUTORADO 

A Fundação Universidade Federal de Rondônia, UNIR informando que possui três editais abertos para seleção de alunos regulares para cursos gratuitos de mestrado e doutorado. As ofertas são para as áreas de Geografia (mestrado e doutorado), Ensino de Ciências da Natureza (mestrado) e Ensino de Física (mestrado), todos com ingresso para 2022. Os interessados em participar dos processos seletivos de pós-graduação em Geografia e em Ensino de Ciências da Natureza devem realizar as inscrições exclusivamente pelo link do sistema Sigaa/UNIR (https://sigaa.unir.br/sigaa/public/processo_seletivo/lista.jsf), conforme prazo estabelecido pelos editais de cada programa. Todos os interessados em ingressos nos PPGs oferecidos pela UNIR devem possuir diploma de curso superior (licenciatura ou bacharelado) reconhecido pelo Ministério da Educação, MEC, conforme as especificações de cada edital. Em atendimento à política afirmativa de cotas da UNIR para cursos de pós-graduação, Há reserva de vagas para pessoas autodeclaradas pretas, pardas, indígenas ou com deficiência em todos os processos. Mais detalhes estão disponíveis no link https://www.unir.br/index.php?pag=noticias&id=29478

EDITAIS DE INCENTIVO À CULTURA DE PORTO VELHO 

A Prefeitura de Porto Velho divulgando o lançamento dos Editais de Chamada Pública para incentivo financeiro Cultural (nº 008/2021 e 009/2021), através da Lei Aldir Blanc. O Edital 008/2021 visa premiar projetos/iniciativas culturais de curta duração desenvolvidos por grupo e/ou coletivos culturais para fazer parte de programações culturais podendo ser realizadas em ambientes físicos (presenciais) ou virtuais, por meio das plataformas digitais e mídias. O Edital 009/2021 para subsidiar a manutenção de Espaços Artísticos Culturais. O prazo final é 17 de setembro. Pelos Editais, as inscrições para o público que reside em Porto Velho devem ser feitas pessoalmente, na sede da Fundação Cultural de Porto Velho (Funcultural), que fica na Rua Elias Gorayeb, nº 1514- Nossa Senhora das Graças, e via e-mail somente para os participantes dos distritos: [email protected] e [email protected].

ESTADO DO PARÁ ULTRAPASSA MEIO MILHÃO DE EMPRESAS ATIVAS

A Junta Comercial do Estado do Pará (JUCEPA) informando que existem 502.986 empresas ativas até o último dia 28 de agosto no estado do Pará. Segundo a autarquia, a média de registro, em agosto, foi de 254 empresas abertas por dia. O setor de comércio se destaca  com 48% dos empreendimentos ativos, seguido por serviços (42%) e indústria (10%). Também informou que o Empresário Individual é a natureza jurídica com mais empresas ativas, 363.108 registros, seguido da Sociedade Limitada (83.642), Empresa Individual de Responsabilidade Limitada – Eireli (45793), Sociedade Anônima fechada (4.255), Cooperativa (1.634), Sociedade Anônima Aberta (1.211 e outros (1.744). Entre as atividades que mais possuem empresas ativas se destacam as de comércio varejista de artigos do vestuário e acessórios (36.844),  comércio varejista de mercadorias em geral, com predominância de produtos alimentícios – minimercados, mercearias e armazéns (24.923), cabeleireiros, manicure e pedicure (14.515), restaurantes e similares (13.254), além do comércio varejista de bebidas (11.349). De acordo com a presidente da Jucepa, Cilene Sabino, os números evidenciam as ações de simplificação e, também, o incentivo dado ao empreendedorismo pelo governo estadual, assim como o aumento da vacinação contra a Covid-19.

BONS EXEMPLOS DE POLÍTICA PÚBLICA DO RIO DE JANEIRO

Num momento tão difícil, com os problemas que passam as empresas e a inflação alta derivada das paralisações da pandemia, boas políticas públicas dos estados são indispensáveis. E o Estado do Rio de Janeiro está dando o bom exemplo. O primeiro deles é a publicação do decreto que reduz o ICMS do querosene de aviação a 7% até o fim de 2035, para empresas que operam nos aeroportos do estado. A medida adequa a legislação estadual ao Convênio ICMS 188/17. Com isto, o Rio de Janeiro espera atrair mais empresas aéreas e estimular novas rotas e, segundo estudo de impacto,  arrecadar mais R$ 64 milhões até 2023. Para o Governador Claudio Castro o turismo é fundamental para a retomada da economia fluminense. Outra medida muito louvável é a de isentar o ICMS do feijão e do arroz que pagavam 7% de imposto, segundo o governador “O Brasil é o único país que tributa alimentos com alíquotas de dois dígitos”.  Sua intenção é a de, “por questão de justiça” isentar estes e outros itens da alimentação básica. Em São Paulo estes produtos já são isentos. 

AUTOR: SILVIO PERSIVO  –  COLUNA TEIA DIGITAL

  • A opinião dos colunistas colaboradores são de sua inteira responsabilidade e não reflete necessariamente a posição da Folha Rondoniense

Comentar

Print Friendly, PDF & Email
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com