Interior

CACOAL: Governo já disponibilizou mais de R$ 1 milhão pelo Proampe para 32 empreendedores

Até início de julho, o Proampe já havia disponibilizado R$1.030.000,00 em crédito para 32 empreendedores cacoalenses

Como forma de apoiar e incentivar pequenos negócios, alavancando a economia dos municípios, o Governo de Rondônia, por meio da Superintendência Estadual de Desenvolvimento Econômico e Infraestrutura (Sedi) instituiu o Programa de Apoio às Micros e Pequenas Empresas e Empreendedores de Pequenos Negócios (Proampe), no final de 2020. O Programa de Microcrédito Produtivo Orientado oferece empréstimos com valores de até R$ 30 mil (trinta mil reais), para cada tomada de crédito, podendo ser dividido em 36 parcelas.

Desde o início da implantação em Rondônia, Cacoal está entre os municípios que mais tem se destacado no número de operações aprovadas e valor liberado por meio do programa. Até o início do mês de julho, o Proampe já havia disponibilizado R$1.030.000,00 (um milhão e trinta mil reais) em crédito para 32 empreendedores cacoalenses.

“O resultado do Proampe é um importante passo. Uma política que vem para auxiliar os pequenos empresários a atravessarem a pandemia. A expectativa que temos é muito positiva, quanto ao atendimento ao empreendedor que precisa de recursos para sua retomada econômica, por vezes até um recomeço. É uma marca importante e
teremos outras marcas para celebrar”, ponderou o Superintendente Estadual de Desenvolvimento Econômico e Infraestrutura (Sedi), Sérgio Gonçalves.

Cleverson adquire produtos da Agricultura Familiar e comercializa nos  bairros de Cacoal

Entre eles, os empreendedores beneficiados está Cleverson Porto da Silva, de 31 anos e que há aproximadamente três anos comercializa produtos adquiridos diretamente da Agricultura Familiar, como ovos caipiras, pamonha, iogurte e queijo fresco, linguiça entre outros produtos. No final de 2020, ele formalizou o negócio, criando a empresa.

“Hoje gerencio meu próprio negócio, faço toda a correria na rua, negocio as mercadorias, faço as compras, entregas e tenho o apoio da minha esposa, Alsnaime, que toma conta da banquinha que montamos em uma avenida da cidade. Também tem o meu pai que trabalha comigo, atendendo algumas regiões da cidade”, conta o empreendedor.

Para dar mais fôlego à empresa, Cleverson foi em busca do Proampe.“O programa eu conheci pela internet. Vi alguma coisa e fui atrás. A minha finalidade era investir no meu próprio negócio. Meu objetivo era ter uma folga, um respiro, para trabalhar melhor”, explica.

Segundo Silva, o empréstimo trouxe mais tranquilidade para a sua empresa. “O Proampe me ajudou muito, fortaleceu o meu poder de negociação no mercado e assim a gente vai trabalhando cada vez mais. Eu trabalhava meio apertado, no limite. Não podia dar nem um resvalinho, senão as coisas desandavam. Nisso, o Proampe foi muito bom, contribuiu para eu dar uma estabilidade melhor para a minha empresa”

O empreendedor comenta que o Governo de Rondônia acertou ao lançar o Programa de Apoio às Micros e Pequenas Empresas e Empreendedores de Pequenos Negócios.

“Foi uma iniciativa ótima. Isso é muito bom para nós. O Proampe traz um crédito fácil, com um juros mais baixo e isso ajuda muito. Movimenta toda a economia local. No meu caso, por exemplo, que eu vendo os produtos dos sitiantes, o dinheiro das minhas vendas volta para à Agricultura Familiar aqui da nossa região e assim gira a economia local”.

ATENDIMENTO

“Eu, particularmente entrei na agência como um autônomo e sai me sentindo um empresário e isso é muito válido. Tem uma burocracia, mas está dentro do esperado. E agora já tá sendo tudo mais rápido também, do que no início da implantação do Programa. Não tenho dúvidas que esse é um programa de excelência, onde todos os empreendedores, como eu, devem procurar. Estão oferecendo um atendimento e um olhar diferenciado para o empreendedor”, finalizou.

Enquanto Cleverson percorre a cidade, a esposa faz as vendas em uma banquinha

Em Cacoal, a agência do Proampe funciona junto à Secretaria Municipal de Indústria, Comércio e Turismo (Semict) que disponibilizou dois agentes de crédito e um espaço exclusivo para prestar atendimento aos interessados.

FONTE: SECOM/RO

Comentar

Print Friendly, PDF & Email
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com