Geral

Estaria o Relator do Conselho de Ética da ALE/RO e Deputado Estadual mais uma vez “cagando” para o cidadão no caso Geraldo da Rondônia?

Há mais de um mês o Conselho de Ética não se reúne

Mais uma terça-feira (5) em que o relator do Conselho de Ética da Assembleia Legislativa do Estado de Rondônia – ALE/RO, Eyder Brasil (PSL) não apresentou qualquer esclarecimento sobre o seu trabalho envolvendo a análise da denúncia de quebra de decoro parlamentar por parte do deputado Geraldo da Rondônia (PSC).

Na época em que foi instaurado o processo entre os membros do Conselho de Ética e Eyder Brasil escolhido o relator, o deputado afirmou que seguiria os tramites sem morosidade, trabalhando de forma justa no processo para esclarecer a situação à população rondoniense.

Porém, há mais de um mês o Conselho de Ética não se reúne, deixando o caso no esquecimento e a população na duvida se realmente existe preocupação do relator em apresentar sua análise frete à diversas denuncias de abuso de poder, agressão, violência verbal, entre uma série de constrangimentos à Casa de Leis de Rondônia protagonizadas por Geraldo da Rondônia.

No início de seu mandato Eyder Brasil foi duramente criticado por afirmar que estaria “cagando” após ser questionado pelo fato de que recebia auxílio moradia mesmo morando em Porto Velho, cidade onde fica localizada a sede do Poder Legislativo em Rondônia.

Com essa morosidade relacionada às denúncias impetradas contra Geraldo da Rondônia na ALE/RO fica o questionamento na cabeça da população: Estaria Eyder Brasil “cagando” para a sociedade que deseja saber a apuração dos fatos envolvendo o deputado Geraldo da Rondônia?

Enquanto isso Geraldo da Rondônia que é condenado à prisão por sonegação fiscal segue gozando dos privilégios e benesses da cadeira de deputado estadual, sem sequer ser inquerido pelo Conselho de Ética para prestar depoimento sobre as denúncias.

FONTE; JH NOTÍCIAS

Comentar

Print Friendly, PDF & Email
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com